quinta-feira, 31 de maio de 2018

NOVAMENTE OS LIVROS: UM SUCESSO

Olá amigos deste blog.
Mesmo lançado em 2015, o livro De Truk a Narvik - Mergulhando na História, ainda na sua primeira edição, continua sendo um grande sucesso entre os mergulhadores de naufrágios e os pesquisadores de História Militar. É um livro empolgante, real e conduz o leitor das profundezas da antiga base japonesa de Truk Lagoon, ao ossuário de destroços do encouraçado Tirpitz, nas águas geladas da Noruega. Impressionante!
Agora, publicado em abril de 2018, o meu terceiro livro, De Guadalcanal a Creta - Mergulhando na História, também tem chamado atenção positivamente com vendas on line para todo o Brasil e Portugal. Embora ambos os livros sejam de fatos independentes, diversos leitores sugerem que um é a continuação do outro.
De Guadalcanal a Creta, leva o leitor de imediato, da selva inóspita e úmida, aos naufrágios da Baia do Fundo de Ferro. É o primeiro capítulo do livro. Desta Ilha da Morte, segue-se uma sequência de narrativas eletrizantes que mostram ao leitor lugares históricos da II Guerra Mundial, emersos e submersos, como  Malta, Rabaul, Palau, Bougainville, Drobak, Croácia e Creta. Até os restos varados à bala do bombardeiro do almirante Yamamoto apodrecendo na selva ou um Junkers 87 Stuka pousado na areia do fundo do Adriático. E tudo isso é intenso, verdadeiro e nos empolga.

Tu podes receber estes livros na tua casa, conhecer todas essas histórias, sem necessitar caminhar na selva entre nuvens de mosquitos e um calor insuportável ou se enregelar na baía de Scapa Flow explorando os encouraçados alemães. Basta depositar R$60,00 (preço de capa de um livro) na conta corrente 50.648-6 do Banco do Brasil, agência 2821-5 e solicitar a remessa do(s)  livro(s) pelo e-mail ulissess18@yahoo.com.br. Boa leitura. 





Penetração em tanque Sherman DD, praia de Omaha, Normandia

Cratera de bomba Tallboy lançada contra o Tirpitz, ilha Haakoy, Noruega

Na escotilha de popa do submarino I-169, Truk Lagoon


Timão e bitácula na ponte do Nippo Maru, Truk Lagoon

Caveira em um corredor do Yamagiri Maru, Truk Lagoon

Retornando do naufrágio do encouraçado alemão Markgraf, Scapa Flow

Proa do destróier Georg Thiele, Rombaks Fjorden, Narvik

Resgatando um fuzil Kar 98 K no naufrágio do Tirpitz, ilha Haakoy, Noruega
Neutro sobre um Messerschmitt 109 G, Creta

Obuseiro 105 mm de um Priest no fundo da praia Utah, Normandia

Junkers 87 Stuka pousado no fundo do Adriático, Croácia

O bombardeiro Betty do almirante Yamamoto, Bougainville

Destroços de bombardeiros japoneses, Rabaul

Naufrágio de biplano Pete, no fundo de Simpson Harbour, Rabaul

sábado, 5 de maio de 2018

THE TANK MUSEUM E A FORMIDÁVEL FAMÍLIA TIGRE

Olá amigos do blog. Pega-se um trem na estação Waterloo, em Londres e depois de uma viagem de 2h30min, no rumo sudoeste da Inglaterra, desembarcando na pequena estação de Wool, chega-se ao famoso Museu dos Tanques de Bovington. Possivelmente é o maior e mais bem organizado museu de tanques do mundo. Ali está a história dos blindados, a partir de 1916 aos nossos dias. São mais de 300 veículos, desde o primeiro tanque, o Little Willie ao pesado Challenger 2, distribuídos em seis grandes salões. O Museu, com entrada paga, recebe mais de 200.000 visitantes por ano.Talvez Kubinka, na Rússia, que visitei em 2009, tenha um acervo similar.
Atualmente a maior e mais importante atração do Museu é uma notável exposição temporária que mostra a Família Tigre na totalidade do seu esmagador poder de fogo, primorosa proteção e mobilidade. Ver aqueles engenhos colossais, repletos da mais pura História, é memorável, é apaixonante. Ali estão um Tigre I (que ainda anda), um Tigre II com torre Porsche, um Tigre II com torre Henschel, um Jagdtiger e um Elefant; este último foi transportado dos Estados Unidos para compor esta mostra. Faltou somente um Sturmtiger, embora exista no espaço um expositor com o tubo de 380 mm deste blindado. A exposição deve permanecer aberta até o final de outubro de 2018. Confiram as fotos.